Bem-vindo, ENTRE ou CADASTRE-SE

Faça a sua pesquisa

Que tipo de busca você quer fazer?

Saiba MaisA importância do Glúten

Atualmente vários artigos têm sido publicados falando sobre este ingrediente, presente em diversos produtos do nosso dia-a-dia. Mas, como devemos nos comportar diante dele?

O grande problema não é o consumo de glúten, e sim o consumo em excesso dos carboidratos complexos (pão, macarrão, biscoitos, etc), principalmente o uso dos que são confeccionados com farinhas refinadas, atrelado ao pouco ou quase nenhum consumo dos alimentos ricos em fibras (frutas, vegetais frescos, farinhas integrais).

A fibra é um "arrastador" de toxinas e gorduras dos intestinos. Quando se consome pouco ou nada, o que acontece é que ocorre um acúmulo do excesso de glúten ingerido pela alimentação.

Outra questão importantíssima é a ingestão deficiente de água. Ela é um "diluente" do corpo, se bebemos pouca, tudo acumula...

Podemos dizer que outro problema que faz com que o glúten "acumule" é a nossa mastigação, que de forma geral, é muito ruim. A digestão dos carboidratos começa na boca, se você mastiga pouco ou mal, interrompe essa etapa inicial da digestão, dificultando a "quebra" do glúten no estômago.

Para as pessoas com intolerância ao Glúten, é recomendável que retirem da alimentação os produtos que contenham este ingrediente. Isto não quer dizer que a alimentação ficará restrita. Com as substituições necessárias, é possível elaborar e oferecer uma gama de opções atrativas e saborosas.

De acordo com os preceitos da Nutrição Tradicional, a recomendação é que sejam consumidos alimentos variados e nutrientes bem distribuídos, proporcionando uma alimentação saudável , balanceada e segura.

Consulte em nosso cardápio a marcação NG (não gluten), que são as refeições isentas do insumo glúten.

 
Como aquecer

Rua São Luis Gonzaga, 2063, Benfica - Rio de Janeiro - CEP 20910-063
CNPJ: 36.157.576/0001-04 - IE: 84135542